Blog

Alimenta o teu amor próprio e autoestima

Diminuir a sensação de vazio e aumentar o amor próprio requer que te
permitas mergulhar em ti, bem como, realizar um trabalho que exige
empenho e dedicação. De modo a poderes parar para refletir, avaliar,
libertar, questionar, descartar pensamentos, sentimentos e
comportamentos que não te fazem bem para finalmente encontrares paz,
tranquilidade e amor verdadeiro por ti.

Deixamos-te aqui algum do conteúdo que vamos trabalhar no nosso
Retiro “Liberta-te para o Amor” – dias 24, 25, 26 de maio, Ericeira.

1 – Cria uma lista de 10 coisas que gostarias de fazer, algo que te dê prazer
e te deixe satisfeita, feliz. Podem ser coisas tão simples como, melhorar a
alimentação, começar um novo hobby, praticar exercício físico, meditar,
passear na praia, ler um livro, ver um filme, fazer um workshop. Sai da tua
zona de conforto, inclui novas experiências.

2 – Tem pensamentos positivos, pois eles influenciam os teus sentimentos,
as tuas ações e os teus resultados.

3 – Olha-te ao espelho, olha bem no fundo dos teus olhos e pergunta-te
“quais são as minhas capacidades, qualidades, pontos fortes?” Escuta o que
o teu interior tem para te dizer. Só tu sabes o que existe dentro de ti,
permite-te ouvir as respostas.

4 – Regista em post-its as diferentes respostas que obtiveste. Cola esses
post-its no espelho da tua casa de banho. Todos as vezes que fores a esse
local, olha-te no espelho, nos teus olhos e repete esses teus pontos fortes.
Se sentiste dificuldade em encontrar essas capacidades, escreve nos post-

its, as qualidades que gostarias de ter e repete-as a olhar-te no espelho.
Pratica diariamente este exercício.

5 – Contempla a simplicidade das coisas, a beleza da natureza, da tua
pessoa, da tua vida e sê grato por isso.

6 – Controla a tua vida, faz coisas que realmente desejas e não aquilo que
te dizem para fazer. Ouve a tua intuição, a tua voz interior e não te
preocupes em querer agradar os outros.

7 – Afasta-te de pessoas tóxicas e manipuladoras, pois elas sugam a tua
energia.

8 – Vê sempre o lado positivo das situações, das pessoas, da vida e retira a
aprendizagem que efetuas com cada uma delas.

9 – Alarga o teu ciclo de amizades. Dedica tempo a pessoas que te dão a
sensação de aceitação, tranquilidade, paz e amor.

10 – Aceita os elogios que te fazem, valoriza o que os outros referem ser as
tuas qualidades.

11 – Tu és a única pessoa responsável por aquilo que és, fazes e tens na
tua vida. A mudança está dentro de ti. Se queres obter resultados
diferentes tens de fazer diferente.

12 – AMA-TE, ACEITA-TE, VALORIZA-TE, RESPEITA-TE.

Oferecemos estas e outras dicas no nosso retiro, bem como, uma série de
exercícios com ferramentas de Psicologia, Programação Neuro Linguística,
Hipnose, Coaching e Terapias Holísticas.

Inscreve-te e vem connosco nesta viagem que marcará para sempre a tua
vida.

Com amor a equipa da Be Free to Fly

A importância do elogio

Homem de camisa a fazer um elogio a mulher que ficou envergonhada

Gostas de receber elogios?
Gostas de ser reconhecido pelas tuas ações, atitudes e palavras?
Se gostas de receber, começa por dar.

Queres aprender a elogiar?

Deixamos algumas ideias para praticares o elogio.

  • Olha diretamente nos olhos da pessoa, elogia de forma autêntica, para
    que o outro sinta sinceridade e genuinidade nesse ato.
  • Encontra as melhores palavras para elogiares com delicadeza e assertividade.
  • Adequa os elogios às diferentes situações e presta atenção ao contexto no momento que vais elogiar.
  • Deixa fluir o pensamento e verbaliza o que pensas.
  • Procura com que o elogio vá de encontro aos valores do outro, porque
    desta forma ele é recebido ainda com mais amor.
  • Quando uma pessoa se esforça para atingir um objetivo que à partida lhe é difícil, o elogio serve como um reforço positivo e motivacional para que o outro continue em frente.
  • Elogia sem esperares algo em troca. O facto de elogiares uma pessoa, não significa que ela te tenha de devolver o elogio.

Pratica diariamente o elogio com os teus filhos, com o teu companheiro, com os teus colegas de trabalho. O elogio tem o poder de elevar a autoestima, o desempenho e a entrega do outro.

Com amor,
A Equipa Be Free to Fly.

Atinge os teus objetivos com decisões assertivas

mulher de costas junto ao mar em numa pose pensativa

Em todos os momentos de tua vida, tomas decisões, umas mais simples outras mais complexas.

Toda a decisão gera uma resposta, um resultado, uma aprendizagem, seja um resultado positivo ou menos positivo.

Será importante definires o teu caminho, ou seja, saberes onde queres chegar, ou para onde queremos ir. Se não sabes qual o teu caminho, significa que qualquer caminho serve. De acordo com esta perspetiva, a vida vai guiar-te para o que as outras pessoas escolhem para ti, ou que tu escolhes de acordo com a opinião dos outros e não de acordo o que realmente é importante para ti.

O dilema em não saber o que escolher, vai conduzir-te à inércia e acabas por perder oportunidades, o que pode gerar arrependimentos, sofrimento, tristeza, raiva, angústia ou até mesmo mais dúvidas.

Deixamos-te algumas dicas, para tomares decisões mais assertivas na tua vida:

  • Compreende o problema que estás a enfrentar, evitando que as tuas emoções influenciem as tuas escolhas, encontra a solução mais adequada e decide.
  • Analisa os últimos acontecimentos e não procedas de forma precipitada, por maior que seja a pressão que o tempo exerça, ele não te pode levar para o caminho errado.
  • Na hora de tomar as tuas decisões, usa todo o teu potencial e criatividade para propor diversas possibilidades e caminhos. Tens de perceber os obstáculos a serem enfrentados futuramente e propor soluções que sejam saudáveis a curto, médio e longo prazo.
  • Antes de tomares qualquer tipo de decisão, percebe quais são as tua capacidades, aproveitando todo o teu potencial, conhecimento e experiências para futuras decisões.
  • Planeia as consequências que podem surgir após a tomada de decisão.
  • O fato de planeares não significa que tudo vá acontecer exatamente como previas. Por mais poder de decisão que tenhas, muitas coisas não estão no teu controle.
  • Ignora o medo das consequências. Se antes de decidires, analisaste, estudaste as possibilidades e te preparaste para as consequências, não há do que teres medo.
  • Sê firme nas tuas decisões, não voltes atrás, porque alguém não acredita na tua capacidade ou acha que não é uma boa ideia.

Na eventualidade de poderes sentir algum tipo de dificuldade na construção deste caminho, contata-nos temos sempre uma solução assertiva para ti.

Com amor,
A Equipa Be Free to Fly.

Queres manter as tuas energias equilibradas?

Equilibrio de uma senhora em posicao de ioga

Foca-te em pensamentos positivos, vive o presente com amor, tranquilidade, confiança e determinação.

Reconhece os teus pensamentos, pois eles são o início de tudo e influenciam os teus sentimentos, comportamentos, forma de estar, agir, relacionar contigo e com os outros.

Deixamos-te alguns conselhos para manteres as tuas energias equilibradas.

Liberta-te de sentimentos indesejáveis: coloca-te num local tranquilo, fecha os olhos, foca-te na tua respiração e à medida que esses pensamentos surgem, imagina na tua mente uma folha em branco, como se a tua mente estivesse “vazia” de pensamentos.

Repete o exercício as vezes que forem necessárias de modo que os teus pensamentos negativos desvaneçam. À medida que realizas o exercício, o teu corpo e a tua mente relaxam, tranquilizam.

Ama-te: descobre o ser único e maravilhosos que és. Encontra as tuas qualidades, virtudes, orgulha-te e valoriza-as. Patenteia os teus pontos fracos com a intenção de melhorá-los. Ama-te, aceita-te, valoriza-te, respeita-te. Se queres amar e ser amado, primeiro ama-te a ti mesmo.

Evita problemas que não são da tua responsabilidade: é necessário teres consciência que os problemas do outro são dele e não teus. Ao quereres ajudar o outro ficas preso a uma conversa que gira em círculos inúteis e negativos que te fazem sentir exausto, com falta de energia, deprimido. Neste tipo de situação, reconhece as tuas limitações, fraquezas e antes de quereres ajudar o outro ajuda-te a ti mesmo, protege-te. Se não te sentires com capacidade para ajudar, sugere que procure um profissional.

Tira alguns minutos para relaxar e descansar: com o passar do dia, é normal haver um decréscimo de energia, principalmente a seguir ao almoço, uma vez que o processo de digestão provoca sonolência, o que te torna mais suscetível ao stress, à irritabilidade e ao cansaço. Este é o momento ideal para descansares por alguns minutos e carregares
as baterias.

Muda de tarefa: persistir obstinadamente numa tarefa provoca-te mal-estar, irritabilidade, stress e tensão. Quando isso acontecer, foca-te noutra tarefa e volta ao que estavas a fazer apenas quando te sentires com mais energia.

É muito importante manteres as tuas energias equilibradas para te sentires emocionalmente e fisicamente saudável. Se tens dificuldade em te manteres nesse equilíbrio, contacta-nos, temos uma solução para ti.

Com Amor,
A equipa Be Fre To Fly

20 Março 2019

Vários estudos indicam que Portugal é um dos países europeus com um maior número de pessoas infelizes e o terceiro maior consumidor de antidepressivos da união europeia.

“Na plenitude da felicidade, cada dia é uma vida inteira”.

Johann Goethe

É com o maior orgulho e satisfação, que hoje, 20 de março, Dia Internacional da Felicidade, lançamos com todo o amor e gratidão um projeto que há muito habitava em nós, BE FREE TO FLY – CURA MENTE, CORPO & ALMA. O nosso objetivo é aumentar o amor, a felicidade, o bem-estar, o equilíbrio mental, físico e espiritual, ao maior número de pessoas.

Convidamos-te a navegar, explorar o site, se entenderes partilhar com os teus familiares e amigos, colocar questões, participar, serás muito bem vindo.

“A felicidade é um problema individual. Aqui, nenhum conselho é válido. Cada um deve procurar, por si, tornar-se feliz”.

Sigmund Freud


E TU, QUERES SER FELIZ?