Catarina

28 anos, Professora.

“Procurei ajuda da Hermínia porque sofria de tricotilomania, eu arrancava os cabelos e comia-os.

Eu estava num estado desesperado porque quase já não tinha cabelo. Senti-me culpada, frustrada, infeliz, revoltada comigo própria. Achei que conseguia controlar a situação, mas cheguei ao meu limite, reconheci que sozinha não conseguia ultrapassar esta situação.

Ao fim de duas sessões, comecei a verificar melhorias, o meu estado de ansiedade diminuiu e, comecei a conseguir controlar os impulsos de levar a mão á cabeça para arrancar o cabelo.

A cada consulta, sentia-me uma vencedora, pois a doença passou a ser controlada por mim e não ao contrário como antes.

Antigamente uma hora a ver televisão arrancava imensos cabelos, após 6 consultas, os impulsos para arrancar o cabelo deixaram simplesmente de existir.

A minha autoestima e autoimagem melhoraram, comecei a gostar da pessoa que via no espelho.


Comecei a cuidar mais de mim e terminei com um relacionamento abusivo que me estava a destruir.
Hoje sou uma pessoa feliz, confiante e estou num relacionamento que me sinto amada e cuidada.

Estou muito grata pela ajuda profissional que tive, a Hermínia fez-me renascer e aprendi a gostar de mim.”